domingo, 24 de fevereiro de 2013

GARÇA-VAQUEIRA - Bubulcus ibis (Cattle Egret)

GARÇA-VAQUEIRA - Nome em Inglês: Cattle Egret - Nome Científico: Bubulcus ibis

Esta é uma ave da Ordem dos Pelecaniformes da Família dos Ardeídeos (Ardeidae). É uma garça campestre, predominantemente insetívora mas também pode comer vertebrados como peixes e sapos. Esta garça é nativa do norte da África e do sul da Europa (mais especificamente na Península Ibérica), com primeiro registro na América, na fronteira da Guiana com o Suriname em 1877,tendo aparentemente cruzado o Atlântico e no Brasil seu primeiro registro foi no ano de 1965,na Ilha de Marajó.

É conhecida também como garça-carrapateira, garça-boiadeira, garça-boieira, cunacoi e cupara. A espécie mede cerca de 46–56 cm de comprimento,sua envergadura varia de 88–96 cm,pesa entre 270 e 512 gramas, pescoço curto e espesso, bico robusto e postura encurvada. Fora da época de reprodução os adultos possuem principalmente uma plumagem branca, bico amarelo e pernas amarelo-acinzentadas. Durante a época de reprodução, adultos da subespécie ocidental (veja logo abaixo) desenvolvem plumagem laranja-amarelo-amarronzado na parte traseira, peito e coroa, e no bico, as pernas e as íris tornam-se vermelho brilhante por um breve período antes da união para acasalamento. O macho é ligeiramente maior e tem um pouco mais de plumagem de reprodução do que a fêmea; filhotes não tem plumagem colorida e têm um bico preto.


Procura alimento, de um modo geral, em espaços secos, campos de cultivo, podendo, no entanto, ser encontrada nas margens de lagos e pântanos. É capaz de subsistir em zonas secas, sem nenhuma água, durante um espaço de tempo relativamente longo. Frequentemente avistada entre o gado que pasta ou atrás das máquinas agrícolas que lavram a terra. Seu voo é com batimento lento, poderoso e regular das asas, com o pescoço retraído e as patas projetadas. Ativa e de grande mobilidade. Voa em bandos pouco ordenados (Veja o vídeo abaixo).



As imagens e o vídeo desta postagem eu fiz em Bela Vista-MS, cidade na divisa do Brasil com o Paraguai. Estávamos na Pousada Princesa do Apa quando elas chegaram para dormir em umas arvores que ficam em uma ilha artificial.


"A Natureza é repleta de belezas que encantam as pessoas que nela prestam atenção!" 


©Geancarlo Merighi





Fontes das informações técnicas:

Sites:

http://www.wikiaves.com.br/ (Acesso em  24/02/2013)
http://www.wikiaves.com.br(Acesso em  24/02/2013)





Livro:





GWYNNE, J. A.; RIDGLELY, R. S.; TUDOR, G.; ARGEL, M. Aves do Brasil - Cerrado & Pantanal. Ed. Horizonte - SP - 2010.



Nenhum comentário:

Postar um comentário